segunda-feira, 15 de maio de 2017

Caminho

Tu que procuras um caminho
e vives numa constante encruzilhada,
que te julgas neste mundo, sozinho,
à procura de tudo e de nada.

Tu, que te julgas muito imponente
e que nada te pode derrotar...
A força não existe em quem se julga valente
mas no pranto de quem consegue chorar.

Tu que te enganas nas próprias palavras
e que te esqueces nas tuas ações
Lembra-te que falta percorrer muitas estradas
E entender muitos corações.

Escuta e sente o vento que sopra
na direção oposta aos teus passos
não desperdices da tua vida, nenhuma hora
Pois teus dias estão já contados.


Escrito por Henrique Rocha Almeida









Sem comentários:

Caminho

Tu que procuras um caminho e vives numa constante encruzilhada, que te julgas neste mundo, sozinho, à procura de tudo e de nada. Tu, ...