segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Hoje apetece-me ler-te


Hoje apetece-me ler-te,
descobrir no teu corpo um livro, 
percorrer cada pedaço dessa estante,
encontrando-te entre atalhos de letras 
de um  abecedário esquecido.

Hoje apetece-me ler-te,
fazer de ti um poema.
Encerrar um capitulo único
e fixar a minha leitura
apenas e só num paragrafo.
Hoje, como em todos os dias...
sempre como em todos os dias,
as mais belas horas são aquelas
que passo dedicadas à tua leitura.

Mesmo não sabendo ler-te
procuro entender e ser de ti,
uma consoante apenas,
para que te conjugue no verbo amar.

Em meus lábios não encontrarás frases feitas,
de silêncios nus e sem sentido.
O meu pergaminho, é a tua pele,
onde escrevo,invisível e oculto,
os meus desejos e os teus sentidos,
onde beijando-te,
procuro saciar
a minha sede de palavras.




Escrito por Henrique Rocha Almeida

quarta-feira, 2 de novembro de 2016

Sorri para mim


Vou-te pedir um desejo....
Daqueles que só me fará bem 
se o aceitares sem reservas,
pois  é para ti.
-Deixa de olhar para trás e não caminhes mais pelo abismo. O verdadeiro caminho não está nas tuas costas, mas sim sempre diante de ti....
Não faças do teu passado o teu futuro, 
e não desperdices o teu futuro com o teu passado, pois essa vida não existe.
Se tu queres viver nesse mundo, problema teu.
Se esse mundo te faz infeliz e uma pessoa angustiada, ...problema nosso!
Sei que a tua vida a ti te pertence, é tua, mas tu mereces mais, muito mais...sempre mais.
 - Os amigos são assim. Os verdadeiros, aqueles que cabem todos numa mão.
São apenas estes que querem sempre o teu melhor e que acreditam sempre que te podes e deves erguer dessa solidão.
Impores-te vencedora perante a adversidade, apenas assim te tornas real. 
E se tu estás bem, eu também estarei bem.
Não sou feliz com a tua infelicidade, 
nem com a tua angústia.
Da mesma forma que não permito que me faças infeliz. 
Tenho mais que fazer. E muito menos tempo a perder. 
E tu também!
Quando quiseres, e se te apetecer, podes sempre entrar na minha vida.
Eu aguardo, mas não espero nada.
Alguém tem de sorrir hoje e 
esse alguém és tu.
Poderei ser eu amanha, quem sabe...

O teu sorriso faz-me falta.
Sinto-me uma pessoa melhor. 
Permite-me ser feliz. 
Por tudo isto e muito mais, estou a ser egoista, eu sei.
Já te disse que mereces muito mais? 
Nunca deixes de ser quem esperas, 
e nunca esperes por quem não sabe quem és.
 
É que eu também gosto de sorrir….

De preferência sempre contigo.



Escrito por Henrique Rocha Almeida


Melodias de vento

hraphotos Onde procuras o sabor dos beijos conquistas o mundo com esse sorriso. Onde crias lágrimas de saudade Escondes o que eu mais...