segunda-feira, 15 de maio de 2017

Caminho

Tu que procuras um caminho
e vives numa constante encruzilhada,
que te sentes neste mundo, sozinho,
à procura de tudo e de nada....

Tu, que te julgas imponente,
e que nada te poderá derrotar...
A força que existe num valente
dobra no pranto ao querer chorar!

Tu que te enganas, nas próprias palavras
e te perdes também em emoções...
Não é por percorreres muitas estradas
que os teus passos não erram em ilusões.

Escuta, senta e sente o vento que sopra
na direcção oposta aos teus passos.
Não desperdices da tua vida, nenhuma hora
Pois os teus dias estão já contados.


Escrito por 
Henrique Rocha Almeida









Melodias de vento

hraphotos Onde procuras o sabor dos beijos conquistas o mundo com esse sorriso. Onde crias lágrimas de saudade Escondes o que eu mais...